Radio Antena FM

Radio Antena FM
(Clique na imagem e assista e ouça ao vivo)

Sindicato dos Trabalhadores

Sindicato dos Trabalhadores

sexta-feira, 28 de julho de 2017



Bebê é resgatado de cesto de banheiro de rodoviária após parto de emergência

Reprodução EPTVBebê encontrado em cesto de lixo
Bebê encontrado em cesto de lixo
Um bebê foi resgatado de um cesto de lixo do banheiro da rodoviária de Andradas (MG) depois de um parto de emergência. Uma socorrista do Samu que tinha ido ao local se despedir de um parente foi chamada e conseguiu salvar a criança. Ela estava com as vias respiratórias obstruídas e precisou ser reanimada.
A mãe do bebê disse à socorrista Jaqueline Soares que não sabia que estava grávida e que sentiu fortes dores quando passava pela rodoviária. O parto ocorreu no banheiro, e a mulher disse que colocou a criança no lixo porque achou que ela estava morta.
“Quando eu abri a porta, tinha muito sangue, o neném estava dentro do lixo, com a cabeça para baixo, aí a primeira impressão eu vi muito pedaço, muito sangue e, de repente, o neném mexeu o braço. No que ele mexeu eu não pensei, eu tirei ele, pedi a blusa dela [da mãe], ela sem problemas me deu a blusa, eu enrolei ele, coloquei ele em cima da pia e comecei a reanimá-lo com massagem, desobstruí as vias dele que estavam ensanguentadas e, neste momento, ele chorou”, contou a socorrista.
Jaqueline disse que, segundo relato da mãe, a criança chegou a cair no vaso sanitário após o nascimento. “A mãe disse para mim que, vindo no banheiro, o neném nasceu, caiu no vaso e ela jogou no lixo porque achou que ele estava morto. É difícil julgar, eu não julgo ela, porque cada pessoa, a gente não sabe o que passa pela cabeça das pessoas.”
“Foi um parto de emergência na rodoviária, então imagino que ela estivesse um pouco fora de si, mas é complicado dizer se foi abandono ou não, acho que não compete à gente o caso”, disse o sub-comandante da Guarda Municipal, Anderson de Andradas.
Mãe e criança foram levadas para a Santa Casa da cidade e passam bem, segundo a administração do hospital. Em uma foto, o recém-nascido, um menino de mais de 2 kg, aparece bem e saudável.
Investigação
A Polícia Militar registrou um boletim de ocorrência. O Conselho Tutelar acompanha o caso, que deverá ser encaminhado para a Justiça.
Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário