Agência Alagoas/Arquivo72621ffd 42eb 4065 9759 6120c3f73580Cisp de Murici
Acusado de espancar até a morte um bebê de um ano de idade, Jaelson Basílio dos Santos foi preso nesta quinta-feira, 14, por agentes do 116º Distrito Policial, em Murici.
Conforme informações divulgadas pela assessoria de Comunicação da Polícia Civil, a menina morava com a avó e com Jaelson (companheiro da avó). Ele teria cometido o crime ao ficar sozinho com a criança, no dia 8 deste mês.
Quando a avó retornou, disse que o bebê estava gritando e passando mal, com  sintomas de vômitos e palidez nos lábios. Ela foi levada às pressas pela avó até hospital, mas não resistiu aos ferimentos.
Os laudos médicos apontaram como causas da morte, hemorragia interna aguda e rompimento de baço, provocados por ação de instrumento contundente. O Instituto Médico Legal confirmou que houve espancamento.
Durante as investigações, testemunhas disseram que Jaelson sempre foi violento em relação à criança, que apresentava hematomas sempre que passava algum tempo sozinha com o acusado.
O suspeito também já teria provocado lesão grave anterior na vítima, que sofreu deslocamento do fêmur também enquanto estava com ele.
Testemunhas informaram ainda que a menina vinha demonstrando muito medo em relação ao agressor, sempre chorando e tentando evitar a aproximação dele.
O acusado está detido no Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) de Murici, à disposição da Justiça.
*Com Ascom/PC